PT | EN
menu Created with Sketch.

Home / Loja /

Álbum digital / CD

Produto esgotado, disponível apenas nas plataformas digitais Navega Ilumina

2015

           Ícone e protagonista da geração de compositores surgida nos anos 1960 no Brasil, Francis Hime chega aos 50 anos de carreira em 2014. A comemoração vem com o lançamento de “Navega Ilumina”, pelo Selo Sesc, CD que traz todas as facetas do artista: o músico, o letrista, o arranjador, o compositor popular e o … Continue lendo Navega Ilumina +LEIA MAIS

Plataformas Digitais:

Descrição

           Ícone e protagonista da geração de compositores surgida nos anos 1960 no Brasil, Francis Hime chega aos 50 anos de carreira em 2014. A comemoração vem com o lançamento de “Navega Ilumina”, pelo Selo Sesc, CD que traz todas as facetas do artista: o músico, o letrista, o arranjador, o compositor popular e o erudito, além do intérprete.

Em 15 e 16 de novembro Hime lançará o CD em shows no Sesc Pinheiros, sábado às 21h e domingo às 18h. Desde seu primeiro lançamento, “Os Seis em Ponto” (de 1964), até “Almamúsica Olivia e Francis Hime” (de 2011), o músico totaliza 24 discos. Foram cinco décadas de produção com importantes nomes da música brasileira, como Vinícius de Moraes e Chico Buarque, e interpretações de sua obra por nomes respeitados nacional e internacionalmente, como Elis Regina, Jair Rodrigues e Tony Bennett.

Feliz ao comemorar meio século de atividades e “com vontade de compor sempre mais e mais”, Francis Hime apresenta agora um CD só com novas músicas: “Queria não só um CD de inéditas, mas também traçar um amplo painel de minha produção, navegando por áreas tão díspares como canção, samba-enredo e música de concerto, com as fantasias para harpa e para violino”. O resultado é “Navega Ilumina”, que entre as 12 faixas inclui parcerias com Olívia Hime (Amorosa, Canção Noturna, Canção Apaixonada), Geraldo Carneiro (Navega Ilumina), Joana Hime (Sessão da Tarde), Thiago Amud (Breu e Graal) e Vinícius de Moraes (Maria da Luz).

Esta última, composta sobre um poema inédito de Vinícius de Moraes, tem história relatada por Hime. “Em março deste ano, ao mexer em meu baú de partituras à procura de meu concerto de harpa ainda inédito, me deparei com uma pastinha que continha o poema Maria da Luz, manuscrito, com a letrinha do próprio Vinícius. O poema fazia parte do balé Polichinelo, de Jean Gabriel Albiccoco (cineasta francês), idealizado nos anos 1970 e que não chegou a ser realizado. Foi planejado para que vários compositores fizessem as músicas. Para Maria da Luz havia a indicação de que ‘Francis fizesse a música’”.

Já em processo de produção do CD, Hime decidiu musicar a letra de Maria da Luz: “Fui para o piano e a música veio imediatamente à mente. Parecia até que Vinícius estava ‘me soprando’ a melodia”, ressalta o compositor.

O musicólogo e jornalista Zuza Homem de Melo foi um dos primeiros a ouvir Navega Ilumina e fez questão de elaborar um texto que relata sua importância (confira mais abaixo o texto completo). “Não é que seus outros discos não sejam igualmente importantes, mas Navega Ilumina desempenha um papel muito especial na obra de Francis Hime, para mim um dos compositores harmônicos por excelência na canção brasileira. Não é um disco que possa ser definido com uma expressão única, por mais abrangente que seja. Efetivamente não é de samba ou de canções, nem de música instrumental, embora estampe tais facetas. Representa um olhar de Francis sobre toda a sua carreira musical, sem distinção de época, de preferência ou de gênero”, relata Zuza.

Segundo Danilo Santos de Miranda, diretor regional do Sesc São Paulo, a obra de Hime combina com o desejo do Selo Sesc de construir um catálogo que represente equilíbrio entre a inovação e a tradição da música brasileira. “Francis Hime faz parte do grupo, daqueles artistas que podem ser reconhecidos no primeiro acorde de um tema, ou na primeira frase de uma canção. O trabalho que desenvolveu durante sua diversificada carreira é tão ligado à tal ‘linha evolutiva da música popular brasileira que, mesmo quando nos deparamos com uma melodia inédita, a sensação de deslumbramento diante do novo vem acompanhada de um sentimento de pertencimento, como se aqueles acordes estivessem desde sempre por aí, nos ouvidos de todos”, afirma.

Faixas
01. Amorosa
Autoria: Francis Hime/ Olivia Hime
Editora: Vermelha Edições (Nossa Música) / Vermelha Edições (Nossa Música)
02. Ilusão
Autoria: Francis Hime
Editora: Vermelha Edições (Nossa Música)
03. Maria da Luz
Autoria: Francis Hime/ Vinicius de Moraes
Editora: Vermelha Edições (Nossa Música) / VM Edições Musicais)
04. Mistério
Autoria: Francis Hime
Editora: Vermelha Edições (Nossa Música)
05. Navega Ilumina
Autoria: Francis Hime / Geraldo Carneiro
Editora: Vermelha Edições (Nossa Música) / Direto
06. Cecília - Fantasia para harpa e orquestra
Autoria: Francis Hime
Editora: Vermelha Edições (Nossa Música)
07. Canção noturna
Autoria: Francis Hime/ Olivia Hime
Editora: Vermelha Edições (Nossa Música) / Vermelha Edições (Nossa Música)
08. Beatriz - Choro seresta
Autoria: Francis Hime
Editora: Vermelha Edições (Nossa Música)
09. Sessão da tarde
Autoria: Francis Hime/ Joana Hime
Editora: Vermelha Edições (Nossa Música) / Vermelha Edições (Nossa Música)
10. Breu e Graal
Autoria: Francis Hime/ Thiago Amud
Editora: Vermelha Edições (Nossa Música) / Direto
11. Canção Apaixonada
Autoria: Francis Hime / Olivia Hime
Editora: Vermelha Edições (Nossa Música) / Vermelha Edições (Nossa Música)
12. Isabel – Modinha para violino e orquestra
Autoria: Francis Hime
Editora: Vermelha Edições (Nossa Música)


Outros Produtos de